Bem Vindo...

Branca desde junho de 2008: Pensamentos, Poesias, noticías, atualidades, moda e perfumaria...tudo num só lugar...rs!!!

Estar aqui...escrever, vai muito além do que palavras rimadas, incentivos ou críticas. Escrever é uma forma de me libertar, de dizer o que sinto, como vejo o mundo, as pessoas, os sentimentos.

Escrever aqui é compartilhar meu grito em forma de palavras, minhas paixões, meus anseios...e também uma maneira de voar.

Escrever foi...e sempre será uma forma sutil de dizer as pessoas como me sinto, e como gostaria de poder mudar as coisas.

Ao entrar aqui, você compartilha um pedacinho da minha concepção, que talvez você discorde, mas é dessa forma, através dessa lente que vejo "tudo" ao meu redor.

Blogbeijoooos!



quarta-feira, 22 de abril de 2009

Uma jóia líquida


No começo do século XX, em 1910 surgi o perfume. Naquela época para as mulheres, elegância era suportar o incômodo vestuário(espartilhos), o alívio para o sofrimento, era usar perfumes, com aromas refrescantes suaves. Daí começa o auge das românticas águas de colônias florais. Defino o perfume como uma jóia, algo que se deseja, que ilumina, que realça...
Quando vejo as pessoas comprando seus perfumes, percebo que muito mais do que uma fragrância elas buscam o desejo de ser, ou seja toda mulher quer ser sentir linda, única e poderosa.
As marcas não vendem um produto, vendem o sonho, o desejo de ser sofisticada, moderna, poderosa, delicada, de acordo com a proposta de cada fragrância.
As fragrâncias possuem poderes incríveis e funções terapêuticas que a indústria cósmetica já descobriu há tempos. Os perfumes estabelecem uma conexão direta com o centro das emoções no cérebro e são capazes de resgatar boas sensações. Os perfumes fazem parte de um universo "mágico", onde todos nós podemos entrar e compartilhar.
Minha dica é conhecer Daisy, a nova fragrância de Marc Jacobs, um oriental baunilha frutal. Uma fragrância suave e sofisticada. Daisy traz o brilho do sol em um jardim perfumado. Para os homens "Fuel for life"da Diesel, um aromático fougére. Uma fragrância enérgica, exala virilidade e sensualidade.

"Um perfume é mais do que um extrato: é uma presença abstrata. Para mim, é uma mística". Georgio Armani.

Nenhum comentário: